Dr. Luiz Ovando diz que combate à Covid-19 é prejudicado por disputa “Fla-Flu”

O deputado federal dr. Luiz Ovando (PSL-MS) afirmou nesta quarta-feira (28) que a Covid-19 enfrenta disputa ideológica no Brasil, tipo “Fla-Flu”, que está matando milhares de pessoas.

A declaração foi feita durante live realizada pela Câmara Municipal de Campo Grande sobre tratamentos da Covid-19, que teve ainda a participação da médica cardiologista Emmanuela Nunes Costa. O debate foi mediado pelo vereador Dr. Sandro Benites (Patriota).

“Milhares de pessoas estão morrendo porque a elas tem sido negado o tratamento no início da doença por uma disputa ideológica idiota e genocida”, afirmou o parlamentar, um dos principais defensores do tratamento imediato a pacientes contaminados pela Covid-19.

Ovando critica os especialistas de gabinete, aqueles que, segundo ele, nunca estiveram na linha de frente no combate de qualquer doença, mas que têm tido espaço na grande mídia para dar orientações à população sobre a pandemia.

“São esses que estão ditando regras de combate a Covid-19 no Brasil. São os mesmos que negam o uso de remédios reposicionados há mais de 50 anos, como a cloroquina e hidroxicloroquina, drogas com poder antiviral eficaz”, observou.

Médico há 45 anos, cardiologista e intensivista, o deputado diz que o país deixou a inteligência e racionalidade de lado, dando lugar a uma disputa ideológica “imbecil”, que tem causado prejuízos ao enfrentamento da pandemia.

“Se você tem outro posicionamento ideológico, é de outro partido e defende uso de determinado remédio ou formas de tratamento, sou contra. Isso é o que tem acontecido. E muitos estão morrendo por conta dessa imbecilidade ideológica e política”, argumenta.

Assista a Live na íntegra pelo nosso facebook:

https://www.facebook.com/drluizovando/videos/948517259215902