Deputado Federal Dr. Luiz Ovando destina emenda para o Exército Brasileiro.

O Deputado Dr. Luiz Ovando, se reuniu na manhã da quinta-feira (30), no Comando Militar do Oeste (CMO), com o General de Exército Fernando José Soares e Silva. No encontro, trataram sobre a destinação da emenda no montante de R$100 mil reais destinados à implantação do sistema de aviação do exército no Estado de Mato Grosso do Sul.

O Programa Estratégico do Exército Aviação do Exército, visa a ampliação de capacidades já existentes e a obtenção de novas capacidades para a Aviação do Exército, a fim de ampliar a mobilidade da Força Terrestre, aumentar a projeção nacional, melhorar a capacidade de monitoramento das nossas fronteiras, aumentar a capacidade de pronta resposta nos diversos rincões do país, atualizar os equipamentos e a doutrina da Aviação do Exército, além de desenvolver e inovar tecnologicamente a Força, empregando a base industrial de defesa brasileira.

O Programa Estratégico contempla ações complementares destinadas à modernização das atuais aeronaves empregadas pela Aviação do Exército, ampliando as suas capacidades técnicas e operacionais, permitindo um emprego mais abrangente e diversificado em missões de Apoio Logístico e Humanitárias.

Da mesma forma, os helicópteros modernizados continuarão a ser empregados em atividades operacionais de Segurança Pública,possibilitando ainda o emprego oportuno e imediato de tropas em áreas críticas.

Comandante do CMO General de Exército Fernando José Soares e Silva, Deputado Dr. Luiz Ovando e o General de Brigada Cristiano Pinto Sampaio.

Seguindo as diretrizes preconizadas na sua Diretriz de Implantação, o Programa Estratégico do Exército Aviação do Exército busca a obtenção da capacidade de ataque, investindo na modernização e emprego de um novo Sistema de Armamento Axial e Imageamento para Helicópteros, que, somada à aquisição de uma aeronave de ataque, permitirá o Exército Brasileiro atingir um novo patamar operacional, com impacto direto no campo estratégico e provocando, consequentemente, um reajuste no equilíbrio de poder presente na Área de Influência do Estado Brasileiro.

Segundo a assessoria do CMO, “face à amplitude e complexidade do Programa, a manutenção de um fluxo regular de recursos que não fique sujeito a oscilações decorrentes de eventuais limitações na execução orçamentária, a fim de não comprometer a modernização tecnológica do Sistema e o cumprimento dos compromissos contratuais são muito importantes, por este motivo, emendas como a do Deputado Dr. Luiz Ovando é imprescindível para a subsistência do programa”.

Diretamente responsável pela fabricação, reparo e manutenção de 96% da frota de aeronaves de asas rotativas do Exército Brasileiro, a HELIBRAS atualmente realiza a modernização das aeronaves, uma Ação Complementar que deverá estender-se até o ano de 2023, e que tem um orçamento previsto de aproximadamente R$ 1.000.000.000,00 (hum bilhão de reais), sendo que deste montante, a empresa já recebeu o valor de R$ 576.000.000,00 (quinhentos e setenta e seis milhões de reais).

Graças a estes recursos, atualmente a HELIBRAS possui duas linhas de produção dedicadas exclusivamente à modernização das aeronaves supracitadas, envolvendo a participação de fatia considerável dos seus mais de mil funcionários, responsáveis pelo processo de modernização.

A continuidade de aporte de recursos no Programa garantirá o fiel cumprimento do referido contrato estabelecido junto à HELIBRAS, uma vez que a instabilidade econômica devido à pandemia causada pela Covid-19 e eventuais restrições orçamentárias podem não só prejudicar o cronograma de entrega de aeronaves, mas também podem comprometer a alocação dos investimentos anuais mínimos necessários para a manutenção das linhas de produção da empresa.

“Tenho extrema confiança em nosso Exército Brasileiro e nas forças armadas, ingressei no serviço militar em 1975, onde passei pelo 17º Regimento de Cavalaria em Amambai-MS e fui destacado para o 3º Esquadrão em Iguatemi também em Mato Grosso do Sul, cumpri minha missão como militar e agora cumpro minha missão como parlamentar”, finalizou o Deputado.