Bolsonaro prestigia encontro do PP, novo partido de Ovando e Tereza

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), participou de jantar organizado pelo Partido Progressista quarta-feira (6) em Brasília. O deputado federal dr. Luiz Ovando e a ex-ministra Tereza Cristina, ambos filiados recentemente ao PP, estiveram presentes na companhia do presidente.

Pré-candidato à reeleição como deputado federal e pré-candidata ao Senado, Ovando e Tereza decidiram se desvincular do União Brasil para acompanharem o grupo de Bolsonaro. “Não faria sentido ficar em partido desalinhado com o projeto de reeleição do presidente”, destaca o deputado.

Em Mato Grosso do Sul, as articulações para dar a Bolsonaro palanque para sua campanha de reeleição passará pelas mãos de Tereza Cristina, com o auxílio de Luiz Ovando, presidente e vice-presidente da agremiação no Estado.

A expectativa de ambos é que Bolsonaro tenha um grupo de apoio reforçado por várias siglas partidárias, as quais vão levar para a disputa as bandeiras da direita do país, como vida, Deus e pátria.

Ovando diz que o cenário político começa a mudar em razão da melhor divulgação dos feitos do governo. “As realizações do Bolsonaro são incomparáveis. Tivemos dois anos de pandemia, com a economia estagnada e iniciamos 2022 com números expressivos, como o fato do real ter sido a moeda mais valorizada. Isso é fantástico”, avalia.

O parlamentar, que é médico há 46 anos, tem procurado orientar os grupos do presidente Bolsonaro para que o foco a partir de agora seja mostrar as ações do governo, “deixando de se ocupar com questões menores”.

Ovando argumenta que a esquerda quer evitar que o país tenha conhecimento das realizações do governo Bolsonaro para impor sua agenda, segundo ele, “repetitiva, atrasada, testada e reprovada”.